search

Banner Galeria

A Impunidade é que gera a violência e mais Sargento da PM segurança do Vice-Prefeito do Rio Preto agride radialista e fica impune.

666555

 

A impunidade é a causa da violência desvairada

A morte do advogado Wilson Justos ocorrida na casa noturna Porão do Alemão, vitimas de disparos de arma de fogo feita pelo delegado de policia do Amazonas Gustavo Sotero, revela simplesmente a culpa da impunidade que assola nosso país.

Esse delegado já havia se envolvido em outros episódios de violência e embriagues, abordado pela policia militar após um acidente de trânsito causado por ele, se recusou a fazer exame de bafomentro, desacatou os policiais e resistiu a prisão. Pasmem nada aconteceu com ele, nem mesmo multado ele foi e muito menos teve a carteira casada.

Nosso sistema não é eficiente e isso gera violência     

O sistema criminal brasileiro não é eficiente e isso fica evidente não apenas para os que conhecem tal sistema, mas também para o senso comum que já está acostumado a verificar pelos meios de comunicação as incontáveis ocorrências de impunidade e aumento de violência urbana. Sendo assim, a impunidade leva ao aumento da violência

Sistema falho

           Todos os dias a mídia mostra casos que demonstram como o sistema criminal brasileiro é falho; são homicidas confessos que respondem em liberdade o processo, mesmo já tendo sido condenados em instancias inferiores, como aconteceu no caso emblemático do jornalista Pimenta Neves, que só foi preso onze anos após o cometimento do homicídio.

                A população em geral não entende como pode alguém matar uma pessoa e permanecer impune durante vários anos, como ocorreu no caso acima. Em verdade, até os operadores do direito ficam sem entender como pode existir um sistema criminal que “legaliza” a impunidade.

Delegado vai sair livre pode esperar

O caso do delegado Sotero será mais um nesse rol de impunidade. Ele pode até perder o cargo, ser exonerado da polícia civil, mas preso não vai ficar. O delegado não tem antecedentes criminais, tem residência fixa e com bom comportamento deve logo ser posto em liberdade. Triste, mas verdade.

Segurança do vice – prefeito de Rio Preto agride radialista

A Radialista Wellen Joicy Carvalho da Radio Comunitária Vitoria de Rio Preto da Eva, foi agredida física e verbalmente pelo sargento PM Afonso Otto que faz a segurança pessoal do vice – prefeito de Rio Preto da Eva Neto do Baixo Rio. O vice – prefeito é casado com a conhecida Nair Blair, envolvida em vários escândalos de corrupção no Amazonas e que agora resolveu com o marido se refugiar naquele município. Esse será mais um caso de impunidade e que vai deixar o sargento livre para cometer outros absurdos. Queria ver a OAB/AM manifestar a sua ira contra o sargento e também entrar nesse caso.

Radialista pode perder o emprego

Como a radio comunitária tem contrato com  a prefeitura (é necessário até verificar), pois rádio comunitária não pode ter patrocínio, a jovem radialista corre o risco de ser demitida, uma vez que quando anunciava a agressão nos microfones da rádio, teve que se calar, pois a direção determinou que ela não falasse no caso.

 

 

Coluna Ari Motta - página

COLUNA DO ARI MOTTA

Articulações para 2016 e 18 já começaram

  A eleição do vereador Wilker Barreto para presidente da Câmara Municipal de Manaus, foi apenas o primeiro passo, para as articulações eleitorais de 2016. Sem a pedra no caminho do vice-prefeito que renuncia, para assumir a vaga conquistada de Deputado Federal Hissa Abrão, Arthur Neto, vai mexer no tabuleiro e já começa na virada do ano. Bosco Saraiva deve ir para o Implurb, Goreth Garcia para a

...Leia Mais

Para onde vai o dinheiro que o ECAD recolhe ?

  Final de ano, sinônimo de festas, confraternizações, amigos secretos, abraços e solidariedades, mas cuidado uma entidade esta com sede de arrecadação e pode melar a sua alegria... é isso mesmo o ECAD (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição), também que confraternizar, porém com o nosso dinheiro. O nosso Brasil conhecido como o país do futuro. Pouco importa se os métodos para receber e

...Leia Mais

A margem de erro e o futuro das pesquisas

  “O futebol é uma caixinha de surpresas”. O dito popular, tão verdadeiro quanto antigo, parece ter trocado o esporte pela urna eletrônica no primeiro turno das eleições, quando uma importante parte dos prognósticos se mostrou equivocada. Tanto quanto os resultados do pleito, a “margem de erro” tomou conta das conversas no país. Entre questionamentos, reclamações e interpretações bem-humoradas, u

...Leia Mais

Um erro tentar calar Levy Fidelix

  Tenho 62 anos. Pelo que vi na vida, dois iguais não fazem filho. E digo mais, desculpe, mas aparelho excretor não reproduz. É feio dizer isso, mas não podemos jamais deixar esses (gays) que aí estão achacando a gente no dia a dia, querendo escorar essa minoria à maioria do povo brasileiro". Essas foram as declarações do candidato Levy Fidelix, é a opinião dele e acredito de muitos brasileiros. A

...Leia Mais

Eleitor deve cobrar por uma “campanha limpa”, sem sujeira nas ruas

  Em todo o país começou mais uma corrida eleitoral para os cargos de governador de Estado, senador, deputado Federal, deputado Estadual e também para presidente da República. São mais de 26 mil candidatos em todo o país concorrendo nessas eleições de 2014, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). E uma das principais marcas das campanhas dos candidatos é, lamentavelmente, a sujeira em

...Leia Mais

O PT corrompe até depoimento

  Reportagem publicada pela revista Veja nesse fim de semana afirma que foram combinadas com antecedência as perguntas que seriam feitas à presidente da estatal, Graça Foster, a seu antecessor, José Sergio Gabrielli, e do ex-diretor da área internacional Nestor Cerveró. Após a publicação, lideranças do PSDB defenderam o afastamento do relator da CPI e líder do governo no Congresso, José Pimentel

...Leia Mais

Mais Notícias:

: