search

Banner Galeria

UBER não merece ser perseguido, pois é um serviço de qualidade e com preço justo

СНПЧ А7 Красноярск, обзоры принтеров и МФУ

1458856

 

Muitas pessoas já ouviram falar em Uber. Um aplicativo que permite a qualquer pessoa, com um "smartphone", chamar um carro com motorista, como se fosse um táxi. Em poucos minutos o veículo de boa qualidade, chega ao local definido com um motorista educado para o levar ao seu destino.

Música? Pode escolher, se tiver o aplicativo "Spotify" no seu telefone, a música é a sua. Preço? Na versão básica, o Uber X, é mais barato do que um táxi. Chegando ao final, o valor é cobrado diretamente no seu cartão de crédito cadastrado, o que acaba com o tradicional "é que não tenho troco para 50". No final da viagem, você recebe no seu telefone um recibo e um pedido para avaliar o serviço entre 1 a 5 estrelas.

Este serviço fantástico tem tido imensas reclamações por parte dos taxistas, que acusam o Uber de ser inseguro, ilegal, pouco profissional e claro, de roubar empregos. Em vários países já se registaram ataques violentos de taxistas aos motoristas do Uber. No entanto, quem experimentou sabe que o serviço é muito melhor do que o dos táxis.

As autoridades locais devem acabar com a perseguição e criar formas, para que os taxistas possam melhorar seus serviços e o mais importante, o aspecto econômico. Hoje diante da situação financeira, as pessoas buscam qualidade e preço, coisa que o Uber oferece.

A maioria dos taxistas são mal educados, o carro com um cheiro insuportável de cigarro, bancos rasgados. No rádio, a música alta e incompreensível, e a janela aberta sempre bom para ventilar no calor da região. Chegado ao destino, o taxista interpela de forma desagradável, "Não tenho troco pra 50

.

O tema não é os taxistas perderem o emprego. Estou de acordo que a perda de postos de trabalho é um problema grave, sou totalmente a favor de dar os empregos disponíveis a quem merece. E quem merece é quem oferece o melhor serviço aos clientes. Tem que acabar com esta impunidade em que o cliente não tem formas eficientes para reclamar e com consequências reais.

No caso do Uber um motorista com menos de 4 estrelas de média de classificação entra em período de prova. Se ele não conseguir melhorar é ‘demitido’ do Uber.

A verdade é que o Uber conseguiu fazer o que a maioria das cidades não conseguiram... Dar um serviço de transporte individual conveniente e de qualidade (há exceções e taxistas extremamente corretos, mas vamos ser honestos que a imagem generalizada não é boa).

Muitas pessoas já ouviram falar em Uber. Um aplicativo que permite a qualquer pessoa, com um "smartphone", chamar um carro com motorista, como se fosse um táxi. Em poucos minutos o veículo de boa qualidade, chega ao local definido com um motorista educado para o levar ao seu destino.

Música? Pode escolher, se tiver o aplicativo "Spotify" no seu telefone, a música é a sua. Preço? Na versão básica, o Uber X, é mais barato do que um táxi. Chegando ao final, o valor é cobrado diretamente no seu cartão de crédito cadastrado, o que acaba com o tradicional "é que não tenho troco para 50". No final da viagem, você recebe no seu telefone um recibo e um pedido para avaliar o serviço entre 1 a 5 estrelas.

Este serviço fantástico tem tido imensas reclamações por parte dos taxistas, que acusam o Uber de ser inseguro, ilegal, pouco profissional e claro, de roubar empregos. Em vários países já se registaram ataques violentos de taxistas aos motoristas do Uber. No entanto, quem experimentou sabe que o serviço é muito melhor do que o dos táxis.

As autoridades locais devem acabar com a perseguição e criar formas, para que os taxistas possam melhorar seus serviços e o mais importante, o aspecto econômico. Hoje diante da situação financeira, as pessoas buscam qualidade e preço, coisa que o Uber oferece.

A maioria dos taxistas são mal educados, o carro com um cheiro insuportável de cigarro, bancos rasgados. No rádio, a música alta e incompreensível, e a janela aberta sempre bom para ventilar no calor da região. Chegado ao destino, o taxista interpela de forma desagradável, "Não tenho troco pra 50

.

O tema não é os taxistas perderem o emprego. Estou de acordo que a perda de postos de trabalho é um problema grave, sou totalmente a favor de dar os empregos disponíveis a quem merece. E quem merece é quem oferece o melhor serviço aos clientes. Tem que acabar com esta impunidade em que o cliente não tem formas eficientes para reclamar e com consequências reais.

No caso do Uber um motorista com menos de 4 estrelas de média de classificação entra em período de prova. Se ele não conseguir melhorar é ‘demitido’ do Uber.

A verdade é que o Uber conseguiu fazer o que a maioria das cidades não conseguiram... Dar um serviço de transporte individual conveniente e de qualidade (há exceções e taxistas extremamente corretos, mas vamos ser honestos que a imagem generalizada não é boa).

Coluna Ari Motta - página

COLUNA DO ARI MOTTA

O Povo não apoia novos tributos para cobrir roubo

  . O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, pediu apoio da população ao ajuste fiscal, dizendo que o reequilíbrio das contas públicas precisa ser rápido para evitar cenários marcados por downgrade (rebaixamento), crise cambial e inflação alta. Levy lidera um duro ajuste fiscal marcado por aumento de tributos. Redução de gasto público, ISSO O Governo não pensa em fazer. Temos Ministérios de mais, ocio

...Leia Mais

Dirigentes se perpetuam nas “Tetas” do Futebol do Amazonas

Os times de futebol do Amazonas estão afogados, sofrendo uma hemorragia de falta de vergonha e não conseguem levar ninguém para os estádios novos e modernos que ganhamos. Falei em meu outro artigo, que não Somália tem campeão e vice e eles vibram com isso, mas o futebol deles é ruim, assim é aqui. Com uma diferença, são amadores e não tem dirigentes oportunistas. Se fossem empresas, todos os time

...Leia Mais

A Decadência moral do Futebol Amazonense

Não vou iniciar o meu artigo falando do resultado do jogo. Isso nesse momento é que menos importa, na verdade o que importa é o que levou o nosso futebol ter resultado tão ruins e eu digo: A decadência tem raízes econômicas. Os clubes de futebol do Amazonas sempre estiveram entre as piores instituições em termos de gestão, eficiência e moral. O final emocionante do Campeonato Amazonense produziu

...Leia Mais

Casal Braga consegue apoio para o Festival de Cirandas

    A senadora Sandra Braga e o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, uniram os esforços e conseguiram junto ao ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, o compromisso de ajuda financeira para garantir a realização do Festival de Cirandas de Manacapuru. O compromisso foi selado em uma da audiência realizada no gabinete do ministro, com a participação do prefeito de Manacapuru, Jaziel Nune

...Leia Mais

Presidente da CMM Fazendo média

O presidente da Câmara Municipal de Manaus, Wilker  Barreto (PHS) resolveu  cortar a gordura  nas diárias dos vereadores e servidores, para muitos isso não passa de média, para o presidente aparecer bem na mídia. Wilker baixou as diárias dos vereadores para R$ 837,50. O valor é maior que um salário mínimo de R$ 788, que a maioria do povo recebe para passar um mês inteiro, ou seja, um dia de um ve

...Leia Mais

La vem à justiça em defesa dos bandidos

  Não tem jeito mesmo, à policia tenta, mas a justiça parece esta sempre do lado dos bandidos. Não bastassem os plantões graciosos que colocam na rua durante o final de semana, bandidos, na maioria traficante, agora a justiça condenou a revista comandada pelo secretario de segurança Sergio Fontes, com apoio do exercito e a policia federal, no complexo penitenciário Anisio Jobim. A Justiça queria

...Leia Mais

Mais Notícias:

: