search

Banner Galeria

UBER não merece ser perseguido, pois é um serviço de qualidade e com preço justo

СНПЧ А7 Красноярск, обзоры принтеров и МФУ

1458856

 

Muitas pessoas já ouviram falar em Uber. Um aplicativo que permite a qualquer pessoa, com um "smartphone", chamar um carro com motorista, como se fosse um táxi. Em poucos minutos o veículo de boa qualidade, chega ao local definido com um motorista educado para o levar ao seu destino.

Música? Pode escolher, se tiver o aplicativo "Spotify" no seu telefone, a música é a sua. Preço? Na versão básica, o Uber X, é mais barato do que um táxi. Chegando ao final, o valor é cobrado diretamente no seu cartão de crédito cadastrado, o que acaba com o tradicional "é que não tenho troco para 50". No final da viagem, você recebe no seu telefone um recibo e um pedido para avaliar o serviço entre 1 a 5 estrelas.

Este serviço fantástico tem tido imensas reclamações por parte dos taxistas, que acusam o Uber de ser inseguro, ilegal, pouco profissional e claro, de roubar empregos. Em vários países já se registaram ataques violentos de taxistas aos motoristas do Uber. No entanto, quem experimentou sabe que o serviço é muito melhor do que o dos táxis.

As autoridades locais devem acabar com a perseguição e criar formas, para que os taxistas possam melhorar seus serviços e o mais importante, o aspecto econômico. Hoje diante da situação financeira, as pessoas buscam qualidade e preço, coisa que o Uber oferece.

A maioria dos taxistas são mal educados, o carro com um cheiro insuportável de cigarro, bancos rasgados. No rádio, a música alta e incompreensível, e a janela aberta sempre bom para ventilar no calor da região. Chegado ao destino, o taxista interpela de forma desagradável, "Não tenho troco pra 50

.

O tema não é os taxistas perderem o emprego. Estou de acordo que a perda de postos de trabalho é um problema grave, sou totalmente a favor de dar os empregos disponíveis a quem merece. E quem merece é quem oferece o melhor serviço aos clientes. Tem que acabar com esta impunidade em que o cliente não tem formas eficientes para reclamar e com consequências reais.

No caso do Uber um motorista com menos de 4 estrelas de média de classificação entra em período de prova. Se ele não conseguir melhorar é ‘demitido’ do Uber.

A verdade é que o Uber conseguiu fazer o que a maioria das cidades não conseguiram... Dar um serviço de transporte individual conveniente e de qualidade (há exceções e taxistas extremamente corretos, mas vamos ser honestos que a imagem generalizada não é boa).

Muitas pessoas já ouviram falar em Uber. Um aplicativo que permite a qualquer pessoa, com um "smartphone", chamar um carro com motorista, como se fosse um táxi. Em poucos minutos o veículo de boa qualidade, chega ao local definido com um motorista educado para o levar ao seu destino.

Música? Pode escolher, se tiver o aplicativo "Spotify" no seu telefone, a música é a sua. Preço? Na versão básica, o Uber X, é mais barato do que um táxi. Chegando ao final, o valor é cobrado diretamente no seu cartão de crédito cadastrado, o que acaba com o tradicional "é que não tenho troco para 50". No final da viagem, você recebe no seu telefone um recibo e um pedido para avaliar o serviço entre 1 a 5 estrelas.

Este serviço fantástico tem tido imensas reclamações por parte dos taxistas, que acusam o Uber de ser inseguro, ilegal, pouco profissional e claro, de roubar empregos. Em vários países já se registaram ataques violentos de taxistas aos motoristas do Uber. No entanto, quem experimentou sabe que o serviço é muito melhor do que o dos táxis.

As autoridades locais devem acabar com a perseguição e criar formas, para que os taxistas possam melhorar seus serviços e o mais importante, o aspecto econômico. Hoje diante da situação financeira, as pessoas buscam qualidade e preço, coisa que o Uber oferece.

A maioria dos taxistas são mal educados, o carro com um cheiro insuportável de cigarro, bancos rasgados. No rádio, a música alta e incompreensível, e a janela aberta sempre bom para ventilar no calor da região. Chegado ao destino, o taxista interpela de forma desagradável, "Não tenho troco pra 50

.

O tema não é os taxistas perderem o emprego. Estou de acordo que a perda de postos de trabalho é um problema grave, sou totalmente a favor de dar os empregos disponíveis a quem merece. E quem merece é quem oferece o melhor serviço aos clientes. Tem que acabar com esta impunidade em que o cliente não tem formas eficientes para reclamar e com consequências reais.

No caso do Uber um motorista com menos de 4 estrelas de média de classificação entra em período de prova. Se ele não conseguir melhorar é ‘demitido’ do Uber.

A verdade é que o Uber conseguiu fazer o que a maioria das cidades não conseguiram... Dar um serviço de transporte individual conveniente e de qualidade (há exceções e taxistas extremamente corretos, mas vamos ser honestos que a imagem generalizada não é boa).

Coluna Ari Motta - página

COLUNA DO ARI MOTTA

Deusamir é exonerado após a poeira baixar

  O prefeito Arthur Neto não ficou nada satisfeito com as declarações de Deusamir Pereira. Que a existência de uma “quadrilha” dentro da Prefeitura de Manaus para “assaltar o dinheiro da educação”. Após a poeira baixar Deusamir Pereira (PSDB) foi exonerado do cargo de subsecretário de gestão educacional da Secretaria Municipal de Educação (Semed). A decisão foi publicada no Diário Oficial do Muni

...Leia Mais

Nada definido no Amazonas para 2014

Melo e Eduardo disputa vai ser acirrada   Somente de concreto no Amazonas é a Pré-candidatura do senador Eduardo Braga ao Governo do Amazonas e a intenção de José Melo Vice-Governador de concorrer também, no mais tudo são especulações. Tudo vai passar pelo Governador Omar Aziz, se renunciar ao mandato para concorrer ao senado, Melo assume o governo e pode viabilizar a sua candidatura, com ou sem

...Leia Mais

Fim do Polo de CD e DVD no Amazonas

Pec quebra a industrial no PIM   Com o cochilo geral dos nossos senadores, o plenário do Senado aprovou em primeiro turno, por 50 votos a favor, quatro contra e uma abstenção, a chamada PEC da Música, proposta de emenda constitucional que isenta de impostos a produção de CDs e DVDs com obras de artistas brasileiros. Por se tratar de PEC, o texto ainda terá de ser votado em segundo turno, numa das

...Leia Mais

Nicolau cada vez mais enrolado

O ex-presidente da Aleam agora tem que responder a justiça comum Além de se defender das acusações de superfaturamento nas obras do edifício garagem, o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD), foi notificado pela desembargadora Encarnação das Graças Sampaio Salgado, do Tribunal de Justiça do Amazonas, para se manifestar na queixa crim

...Leia Mais

Triste futebol amazonense

Nacional cai diante do Salgueiro O Nacional voltou a empatar com o Salgueiro-PE, e acabou sendo eliminado, da Série D do Campeonato Brasileiro. A equipe pernambucana foi beneficiada pelo placar de 2 X2, porque o primeiro jogo terminou em 0 X 0 e, após os dois empates, a vitória foi decidida pelo critério de gols marcados fora de casa. Um baque letal no futebol amazonense que pretendia ter um repr

...Leia Mais

José Melo suando a camisa

O vice governador, prioriza o trabalho e a atenção ao interior Dando prosseguimento ao trabalho voltado ao interior, o vice-governador José Melo fez uma visita de vistoria técnicas nas obras que o governo estadual vem realizando na cidade de Barreirinha, no Baixo Amazonas. O professor chegou na cidade no final de semana. O Governo liberou recursos superiores a 20 milhões de reais, conseguido na e

...Leia Mais

Mais Notícias:

: