Apesar da tentativa do senador Eduardo Braga de blindar, a presença do vice-governador José Melo (ex-PMDB) na legenda, Melo assumiu a direção estadual do Partido Republicano da Ordem Social (Pros). O professor que consegue além de um partido que nasce forte, o que lhe dá tempo na TV, já esta na rua arregimentando nomes que consolide a legenda no Amazonase que garanta o projeto de suceder Omar Aziz (PSD). O deputado estadual Sidney Leite (ex-DEM), ficou com a vice-presidência da legenda, disse que no nascedouro o Pros nasce no Amazonas com mais de 12 prefeitos.

PMDB enfraquecido

Apesar da postura de Braga o PMDB não mostrou a união esperada na reunião promovida pelo senador. Além da ausência dos prefeitos do partido, os deputados Belarmino Lins, Wandderlei Dallas, Vicente Lopes e Marcos também não compareceram. A expectativa na Aleam era das justificativas pela ausência no encontro, mas não aconteceu. Os parlamentares ignoraram o assunto.

Justiça lenta incentiva corrupção

Em um pais que ninguém vai preso por corrupção tem como aliada a justiça que demora demais para dar um veredito e muita vezes quando dá é contestada. No caso do ex-deputado estadual Antônio Coirdeiro, indiciado na Operação Albatroz, deflagrada pela Polícia Federal no dia 11 de agosto de 2004.  

Na ocasião da operação, 20 pessoas foram presas pela polícia que apontou como líder da quadrilha o ex-deputado, que não foi preso a época porque possuía imunidade parlamentar. Na casa dele, foram apreendidos R$ 600 mil em dinheiro e mais um título ao portador no valor de R$ 1,5 milhão. Só agora nove anos depois, ele foi condenado a 36 anos e três meses de prisão.

Estacionamento no esquecimento

A Lei do Estacionamento, que entrou em vigor dia 09/09 e que causou tanta polêmica em Manaus, caiu no esquecimento, enquanto o prefeito Arthur Neto só pensa em aparecer na mídia, o seu líder na Câmara autor da Leo, sumiu de cena, resultado é que a maioria dos estacionamentos passou  a cobrar mais pela hora, R$ 6 em média, que os R$ 5 que cobravam anteriormente pelas três horas.

A campanha esta no Ar

O governador do Amazonas, Omar Aziz, será o anfitrião do Encontro Estadual com Prefeitos e Prefeitas do Amazonas, marcado para esta quinta e sexta-feira, em Manaus, e que contará com os ministros da Saúde, Alexandre Padilha, e das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, e a secretária de Relações Institucionais da Presidência da República, Ideli Salvatti. Claro o encontro não terá nenhuma conotação politica é apenas uma forma do governo do Estado e Federal se aproximar das cidades. E fazeros  prefeitos entrarem no curral (fala baixo)

 

Greve dos bancários longe do fim

O presidente do Sindicato, Nindiberg Barbosa dos Santos informou que até o momento a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) não sinalizou nenhuma intenção de debater as propostas. A categoria pede 11,93% de reajuste salarial, mas a Fenaban oferece apenas 6,1%.Grande parte das agências bancárias está com os serviços paralisados parcialmente. As agências da Caixa, Banco do Brasil, Santander, Safra, HSBC e Basa estão com o atendimento 100 % paralisados.

 

 

Coluna Ari Mota

Facebook