5146848

 

O Deputado Wanderley deveria permanecer na Assembleia Legislativa como sempre, sem fazer nada, apenas recebendo seus salários. Pasmem!, ele apresentou projeto de Lei para elevar palavrões caboclos a condição de patrimônio intelectual do nosso povo entre as palavras estão “Dedada”, "cabaço", "baitola", "pinguelo" e "xibiu" e “Piroca”. Com a manchete. Isso mostra infelizmente que a ausência de intelectualidade leva à falta de bom senso ou a ignorância mesmo.

Tanta coisa para resolver, o deputado esta preocupado com a “Piroca” do povo. Dallas não percebeu que sua condição de ministro evangélico e representante do povo o impede de faltar com o decoro. Sem noção, mas isso não me surpreende, pois quando estava em uma emissora de rádio tive a oportunidade de conhecer o deputado, antes da vida pública, quando apenas vendia relógios, pois comprou um horário antes do programa que fazia e na época já não tinha noção.

Igreja e pares fazem chacota

Dallas não ganhou nada com isso só foi ridicularizado e apesar de fazer parte da bancada evangélica, Dallas vasculhou termos encontrados no livro “Amazonês”, de Sérgio Freire, para compor seu projeto de lei. Logicamente, a proposta foi criticada pelos colegas, e o deputado retirou os palavrões do texto., mas defendeu na tribuna com o seguinte discurso “É um grupo de deputados que se constrange com a palavra 'cabaço', mas usa de boca cheia em qualquer local". Para os colegas ele desvirtuou a ideia de patrimônio cultural e acredita que isso foi uma estratégia de marketing, para alardear que foram apresentados inúmeros projetos, ou seja, uma forma de mostrar serviço. “Aí depois põe um outdoor dizendo que é o que mais apresentou projeto". Sei não se isso for marketing, esta tudo errado o que eu aprendi.

Governador entrega novas viaturas

O governador do Amazonas, José Melo, entregou no Centro de Convenções (Sambódromo), o primeiro conjunto de 100 novas viaturas para reforço da estrutura das Polícias Civil e Militar. Os veículos serão empregados pelas forças de segurança pública no policiamento ostensivo realizado em Manaus e em municípios da Região Metropolitana, dando continuidade ao programa Ronda no Bairro. Melo informou que no total serão 700 novas viaturas, para o sistema, porém informou que o aparelhamento das policias é apenas uma parte, para melhorar a segurança, para ele é importante investir nas pessoas, nos policias e na educação.

 

Fim do nosso futebol

 

Hoje acordei e vi as manchetes de jornais falando que o Nacional é imbatível e recordistas de vitorias em uma temporada do campeonato amazonense. Também poderá, com as equipes que temos. Uma pena é que apesar de ser o melhor do Amazonas, não seria nem o quinto no Pará. O Nacional e qualquer outro time do Amazonas não consegue dar um passo fora, que perde. Nosso futebol só esta na serie D, porque não tem serie E.

Coluna Ari Mota

Facebook

Parceiros